Conheça 10 startups unicórnio brasileiras e como conseguiram crescer

5 Curtidas Comentar
Conheça 10 startups unicórnio brasileiras e como conseguiram crescer

Conheça 10 startups unicórnio brasileiras e como conseguiram crescer. Se já está conosco, já viu o que é uma startup Unicórnio.

Quase todas as empresas do mercado aspiram ser as primeiras a atingir um bilhão de dólares. Esse marco já foi alcançado por vários governos brasileiros. Aprenda sobre eles nos seguintes parágrafos:

 

Ifood

 

É uma empresa brasileira fundada em 2011. É líder no mercado de delivery de refeições, tendo investido em uma tecnologia para consolidar todos os pedidos de entrega em um só local.

 

A empresa cresceu e foi avaliada em linha com o mercado, sendo adquirida pela Movile em 2014, adquirindo o status de startup unicórnio.

 

Nubank

 

Nubank, é uma startup nacional pioneira em serviços financeiros e foi uma das primeiras do país neste setor. Suas ofertas principais incluem um cartão de crédito e um banco digital.

Outros serviços, como pagamentos de débito e investimentos em poupança, foram posteriormente introduzidos.

 

Foi criado em 2013 e, desde então, teve um tremendo desenvolvimento e aceitação no mercado, ganhando o título de unicórnio.

 

Stone

 

Pagar.me, mundipagg e cappta são algumas das empresas com as quais a empresa fez parceria para se concentrar em métodos de pagamento e automação do ponto de venda.

A empresa foi fundada em 2012 e tornou-se um unicórnio em 2018, exibindo rápido desenvolvimento e domínio no mercado de pagamentos de curto prazo.

 

PagSeguro

 

Uma das pioneiras no Brasil no campo de pagamentos pela Internet. Pagseguro, é startup é especializada em aceitar e transmitir pagamentos. O UOL é dono do PagSeguro, que cresceu e chegou a uma marca de unicórnio em 2018.

 

99

 

Seu objetivo, ao ser fundado em 2012, era revolucionar a maneira como as pessoas da cidade viajavam. As funções do aplicativo foram aprimoradas e refinadas quando ele foi comprado pela DiDi, uma empresa de transporte móvel, em 2018. Eles chegaram à marca de um bilhão de dólares.

 

Hotmart

 

A Hotmart é uma empresa brasileira que garantiu um investimento de R $735 milhões de reais em 2021, tornando-se um unicórnio brasileiro. O TCV, fundo americano que investiu na Netflix e no Airbnb, por exemplo, lidera a rodada.

 

O Hotmart revolucionou a indústria ao oferecer um balcão único para qualquer pessoa que deseje vender, anunciar ou adquirir cursos online, assinaturas, e-books e outros produtos digitais. No geral, é uma plataforma fantástica para a troca de todos os tipos de informações. 

 

Gympass

 

A Gympass, uma empresa que recebeu um investimento de $220 milhões da corporação SoftBank, também se tornou um unicórnio brasileiro em 2021. A Gympass, que foi fundada em 2012, agora atende 2.000 empresas fornecendo acesso à sua rede, que inclui 47.000 academias em 8.000 cidades em 14 países. A empresa atua em 1463 localidades em todo o Brasil, com mais de 21.000 academias.

 

A Gympass é uma empresa de bem-estar corporativo que permite às empresas oferecer exercícios físicos como um benefício para seus funcionários. Assim, com um plano na plataforma, você pode ir a uma variedade de academias, estúdios de dança, Pilates e natação, entre outras coisas.

 

5º andar

 

O QuintoAndar foi formado em 2013 pelos empresários Gabriel Braga e André Penha com o objetivo de mediar a relação locador-locatário e afastar a necessidade de fiadores.

 

Hoje, atende 25 cidades brasileiras, fechando 4.500 contratos por mês. Ele adquiriu US $250 milhões em uma rodada de financiamento apoiada pelo SoftBank e a firma americana Dragoneer, tornando-o um unicórnio.

 

Ebanx

 

O Ebanx permite que empresas estrangeiras como Spotify, Airbnb e Aliexpress ofereçam itens e serviços aos brasileiros enquanto recebem o pagamento em moeda local. Alphonse Voigt, João del Valle e Wagner Ruiz lançaram a empresa em Curitiba em 2012, e agora ela emprega mais de 600 pessoas e opera em vários países latino-americanos, com planos de crescer ainda mais.

 

C6 Bank

 

Com valor de mercado de R $11,3 bilhões de reais (US $2,1 bilhões), o banco digital C6 Bank tornou-se o mais novo unicórnio do país. A última arrecadação de fundos do C6 atraiu mais de 40 investidores privados, resultando em um aumento de capital de R $1,3 bilhão (US $252 milhões). O agente financeiro da operação foi o Credit Suisse, e José Olympio Pereira, presidente da empresa no Brasil, afirma que a rodada despertou “grande interesse” dos investidores.

Conheça 10 startups unicórnio brasileiras e como conseguiram crescer. Comente este artigo!

Confira outros artigos:

Você Pode Gostar

Sobre o Autor: Avitrini