Veja 6 razões para começar a utilizar o Facebook Analytics agora

3 Curtidas Comentar
Veja 6 razões para começar a utilizar o Facebook Analytics agora

Veja 6 razões para começar a utilizar o Facebook Analytics agora. Você tem o Facebook Analytics configurado na sua empresa? Este é um aplicativo criado pelo Facebook que permite que você reúna informações essenciais sobre sua página de fãs e seu site.

Quando se trata de marketing na internet, um dos aspectos mais importantes é a capacidade de rastrear e avaliar nosso progresso. Isso se deve ao fato de que tudo o que pode ser medido pode ser melhorado.

Desta forma, o marketing digital permite-nos avaliar a eficácia e eficiência de todas as nossas ações e iniciativas. E depois de saber qual canal oferece o melhor retorno, você pode começar a investir com uma concentração de laser no que funciona, melhorando seus resultados.

Que critérios devem ser usados ​​para avaliar o resultado?

Quando se trata de medir o desempenho online, o Google Analytics é a ferramenta mais comumente mencionada. Ele permite que você acompanhe e analise os dados de acesso ao site para ter um melhor entendimento dos hábitos do seu público.

Hoje, porém, gostaríamos de propor o Facebook Analytics. Uma ferramenta nativa do Facebook que permite coletar e analisar dados do seu site e da sua fanpage.

Como posso obter acesso ao Facebook Analytics?

O pixel do Facebook deve ser colocado em seu site antes que você possa utilizar o Facebook Analytics. Se você ainda não entendeu o que é ou não o instalou, examinaremos em mais detalhes neste texto.

Se o seu site já tiver o pixel, você deve:

Etapa 1: Vamos para http://www.facebook.com/analytics e preencha o formulário.

Etapa 2:Escolha o que deseja investigar. Você pode optar por escolher apenas sua página, apenas seus dados de pixel ou ambos neste estágio.

Etapa 3: Clique Grupo Selecionado depois de escolher o que deseja estudar.

Etapa 4: Depois de fazer isso, você terá acesso aos dados que o Facebook Analytics mantém sobre sua empresa.

Acessar seus dados é simples e rápido se você já tem o pixel instalado em seu site. O Facebook Analytics torna tudo ainda mais fácil e é tudo de graça.

Para ajudá-lo a compreender a importância desse recurso, nós o dividimos em seis motivos pelos quais você deve começar a usá-lo imediatamente.

 

Veja 6 razões convincentes para começar a utilizar o Facebook Analytics agora

1. É um recurso totalmente gratuito.

A primeira e mais significativa razão para começar a utilizar o Facebook Analytics agora é que ele é totalmente gratuito.

Em outras palavras, você não tem desculpa para não acompanhar seu progresso.

2. Você pode usá-lo para avaliar sua página de fãs e site.

Ao contrário do Google Analytics, que rastreia apenas o desempenho do seu site, e do Facebook Insights, que fornece apenas os dados da sua página, o Facebook Analytics combina o melhor dos dois mundos.

Ele reúne e combina dados de sua página de fãs e de seu site, permitindo que você cruze dados e conduza um estudo mais completo de suas atividades.

No entanto, você deve ter o pixel do Facebook em seu site para que isso funcione. Para entender mais sobre o pixel, assista a esta aula.

 

3. Os dados do Facebook e do Google podem ser combinados.

O terceiro motivo é que os dados do Facebook Analytics e do Google Analytics podem ser combinados e com referência cruzada.

Como as duas tecnologias não são iguais, é quase certo que você terá muitos dados dessa forma.

 

4. Funis de medição de resultados

Os funis da ferramenta podem ser usados ​​para rastrear resultados, que é o quarto motivo.

 

Você pode desenvolver funis se tiver um pixel em seu site. Eles mostrarão onde você está no caminho certo e onde está errado com seu plano.

 

Por exemplo, um funil de lead está à venda na imagem acima. Ele permite que você veja quantas pessoas visitam o site, quantas delas se tornam leads e quantas fazem uma compra dentro do período de tempo que você escolher.

 

Nesse cenário, podemos ver que, em média, 56% de todos os visitantes do site se tornaram leads. Apenas 1% dos indivíduos que se inscreveram tornaram-se clientes dentro do prazo.

 

Além disso, esta amostra demonstra que 26% dos que iniciaram uma compra a abandonaram. Em outras palavras, o funil do Facebook Analytics auxiliou na descoberta de uma nova área de melhoria.

Com isso, você pode começar a considerar o que precisa ser consertado. O problema aqui não é principalmente a criação de leads, mas sim o checkout. Como resultado, você começa a considerar o que precisa ser tratado nesta parte do processo para aumentar o número de leads convertidos para consumidores.

É mais fácil ver as dificuldades e descobrir como melhorar os resultados quando você tem uma visão abrangente dos processos do cliente.

 

5. Jornadas

O F8, evento do Facebook que mostrou os próximos recursos da ferramenta, aconteceu no início de 2018. A função viagens foi uma delas.

As jornadas são semelhantes aos mapas no sentido de que rastreiam onde um usuário começou e onde terminou de visualizar seu material. Frequentemente, as pessoas começam sua jornada com um gadget e depois mudam para outro.

 

Podemos ver que o usuário começou no Facebook e acabou na página da web neste caso.

Isso contradiz as crenças de muitas pessoas sobre se a mídia social funciona ou não. Porque demonstra que o Facebook é frequentemente usado como um portal para os consumidores aprenderem mais sobre seu conteúdo e negócios, em vez do site real onde eles fazem uma compra.

Dessa forma, o Facebook Analytics pode ajudá-lo a descobrir o quanto cada canal contribui para levar uma pessoa ao final da viagem, que é a compra.

 

6. Pensamentos interessantes e inteligência artificial

Muitas pessoas têm dificuldade com a análise de dados e, embora tenham acesso às métricas, não conseguem avaliá-las por falta de compreensão.

 

O Facebook Analytics fornece insights com base em suas medições para ajudá-lo a interpretar seus dados com mais facilidade. Ele interpreta automaticamente alguns dos dados que reuniu para que você possa compreendê-los melhor.

 

Por exemplo, a plataforma do gráfico acima informa que os usuários do Rio de Janeiro e aqueles que usam o telefone passam mais tempo no site. Identificar isso pode ser mais desafiador ao observar os dados da plataforma, mas parece que a ferramenta ajuda nisso, trazendo essas ideias à luz com mais clareza.

 

Com essas informações, pode-se determinar, por exemplo, o quão vital é otimizar sites para dispositivos móveis ou se é viável um orçamento maior para anúncios direcionados aos moradores do Rio de Janeiro.

 

Obviamente, os insights nem sempre fornecem os dados mais atualizados. No entanto, a própria plataforma oferece uma grande quantidade de dados valiosos.

 

Pare de perder tempo e comece a estudar seus dados, caso ainda não o tenha feito. Como empresário, conhecer seu negócio e entender o que funciona e o que não funciona é fundamental. É aqui que o Facebook Analytics pode ajudá-lo.

Veja 6 razões para começar a utilizar o Facebook Analytics agora. Comente esse artigo.

 

Você Pode Gostar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *