O Facebook permitirá grupos compartilharem conteúdo exclusivo

Curtir Comentar
O Facebook permitirá grupos compartilharem conteúdo exclusivo

O Facebook permitirá que grupos compartilhem conteúdo exclusivo no estilo de Only Fans. No Facebook, o usuário também é notado, com grupos servindo como locais para marketing de produtos, discussão de interesses comuns, anúncios de serviços, compartilhamento de memes, entre outros.

Durante o Facebook Communities Summit, a rede social demonstrou seu desejo de explorar ainda mais, estimulando a criação de conexões muito mais valiosas. Começando com o visual, a rede social de Mark Zuckerberg permitirá que os administradores escolham as cores, o design do plano de fundo e as fontes que serão exibidos na comunidade, junto com emoticons que os membros podem usar para se expressar.

Mensagens exclusivas de segurança e um incentivo a mais para a criação de novas publicações são apenas algumas das adições que podem ajudar a fortalecer as comunidades no Facebook. A ideia é incutir um forte sentimento de pertencimento em novos membros enquanto os grupos se concentram em discussões e argumentos.

 

Prêmios dados pela comunidade. O Facebook permitirá grupos compartilharem conteúdo exclusivo

Os usuários poderão fazer mais do que reagir com emoticons ou curtidas se uma postagem for boa, interessante, informativa ou super divertida: eles poderão conceder prêmios. Membros de grupos podem trocar crachás de reconhecimento como “Esclarecedor”, “Inspirador” e “Divertido” com outros participantes, animando o conteúdo para outros que ainda não o alcançaram.

Para quem está familiarizado com a rede de mídia social, essa ideia parece ser muito semelhante ao que governa o feed do Reddit. Os prêmios devem ser adquiridos com o Reddit Moedas (que deve ser adquirido com dinheiro real), mas o Facebook não forneceu detalhes sobre como o recurso funcionará.

Integração com Messenger. As interações em tempo real também ficarão mais fáceis, pois o Messenger apoiará a criação de grupos de bate-papo.Os usuários podem participar de conversas independentemente de onde estejam, interagir com eventos e explorar os recursos do Facebook Messenger.

 

Subgrupos. Os Administradores podem criar “subgrupos” quando se amplia o âmbito do grupo, permitindo a segmentação da comunidade em temas ainda mais específicos. O estilo permite a criação de discussões mais focadas sobre determinados tópicos, regiões ou eventos, sem que o papo prejudique as preocupações gerais da comunidade.

Cobrando por conteúdo exclusivo. Neste bolo, você também encontrará subgrupos pagos, uma nova forma de monetizar grupos do Facebook. Uma rede social define funcionalidade como “parte do esforço mais amplo de assinatura paga”, em que os usuários podem contribuir financeiramente para um grupo a fim de obter acesso a conteúdo exclusivo.

Além disso, o conceito não é totalmente original. Em um sentido amplo, esse conceito é semelhante aos membros do canal do YouTube, um recurso que permite que os assinantes participem de grupos exclusivos. O Twitter Superfollow, assim como o contencioso Only Fans, apresentam algumas semelhanças com o conceito.

Os preços de participação do subgrupo não foram divulgados no evento, nem parecia que os administradores tinham total controle sobre o custo de ingresso nos canais. O modelo ainda está em avaliação, portanto, precisará passar por algumas alterações antes de ser disponibilizado ao público em geral.

Você Pode Gostar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *