Por que usar o Google Ad Manager em seu site?

5 Curtidas Comentar
Por que usar o Google Ad Manager em seu site?

Por que usar o Google Ad Manager em seu site? O Google Ad Manager foi lançado em junho de 2018 para simplificar o gerenciamento de campanhas para as equipes de marketing. A plataforma, que combina o DoubleClick for Publishers (DFP) e o Ad Exchange (AdX), foi projetada para ajudar os editores a gerenciar várias redes de anúncios.

O Ad Manager também afirma aumentar os lucros do editor reduzindo o tempo de gerenciamento da campanha.

 

O Ad Manager do Google também visa aprimorar a experiência do usuário com a publicidade, tornando-a mais atraente. Portanto, a possibilidade de retorno é maior. É uma plataforma que inclui sites, aplicativos, filmes e até jogos.

 

Como funciona o Google Ad Manager?

 

Em primeiro lugar, você deve ter uma conta do AdSense para utilizar o site. Após preencher o formulário de registro, o Google deve aprová-lo. No entanto, o Ad Manager concentra todas as redes a serem gerenciadas pelos editores.

 

Destina-se a aumentar a receita da campanha e monetizar todos os visitantes. A tecnologia também busca aprimorar todo o processo publicitário, disponibilizando relatórios detalhados.

 

Por que Ad Manager?

 

O Ad Manager é ótimo para otimizar não apenas a publicidade, mas também o tempo dos editores e das equipes de marketing. O gerenciamento de estoque se torna mais automático quando centralizado. A negociação direta é feita de forma programática.

 

A tecnologia do Google gera informações completas sobre como a publicidade se comporta nas áreas em que é exibida. Os editores também podem construir um inventário e especificar onde a publicidade aparecerá nos sites.

 

Essa ferramenta também promete aumentar o estoque de anúncios, oferecendo vendas a vários anunciantes em tempo real a preços de CPM maiores. O software também permite a exibição de anúncios personalizados, utilizando um denominador comum entre os mesmos.

 

O Ad Manager depende da segurança normal do Google. O software evita a fraude publicitária, redirecionando o spam para os clientes. Essa conduta negativa causa rejeição e reduz receitas.

 

Nenhum editor deseja que seu anúncio seja alvo de fraudadores, certo? O Google Ad Manager se defende contra isso, aumentando a confiabilidade do anúncio e as chances de conversão.

 

O que é o Google Ad Manager?

 

Esta ferramenta é apropriada para sites com mais de um milhão de visitantes mensais. Mas não há nada que impeça os sites menores de utilizá-lo, e é por isso que existe uma versão gratuita voltada para pequenas e médias empresas. Mas lembre-se de que é claramente uma versão condensada.

 

A versão gratuita inclui relatórios completos, criação e manutenção de itens e acesso à API. Agora, se você precisar de ajuda do Google, apenas a versão comercial pode fornecer.

 

Traços únicos

 

O fato de o Google Ad Manager consolidar toda a administração e monetização da campanha em um único local faz a diferença. Outro fator a considerar são os tipos de anúncios da plataforma. Ele fornece uma imagem mais ampla de seu inventário e itens de linha e gera anúncios relevantes.

 

A tecnologia oferece proteção de anúncios, bloqueando intrusões. O Ad Manager também está em conformidade com a Lei geral de proteção de dados devido à sua conexão com o Google (LGPD).

 

Outro bônus é que, ao integrar o AdSense ao Ad Manager, o restante da publicidade pode ser vendido automaticamente.

 

Em qualquer caso, o Google Ad Manager vale o custo.

Por que usar o Google Ad Manager em seu site? Comente este artigo!

Se você está procurando mais conteúdo incrível, certifique-se de verificar nosso blog

Você Pode Gostar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *