O que seu corretor financeiro faz?

11 Curtidas comments off
O que seu corretor financeiro faz

O que seu corretor financeiro faz. Como resultado da recente crise financeira e da subsequente recuperação da economia, um número crescente de indivíduos está pensando em investir o dinheiro que tanto trabalhou para acumular. Por outro lado, nem todos têm o mesmo nível de especialização quando se trata de investir em ações e títulos. Se você se encontra em alguma dessas categorias, tomar uma decisão informada sobre a corretora de investimentos com a qual trabalha é de extrema importância.

 

Quais as funções de um corretor?

 

Seu corretor financeiro é quem administra sua carteira de investimentos e é responsável por sua saúde geral. Suas ações, títulos e outros ativos estão sob seu olhar atento, e eles também fornecerão orientação sobre como colocar seu dinheiro para trabalhar para você da maneira mais lucrativa. Um corretor financeiro também pode ajudá-lo a selecionar produtos de investimento que sejam adaptados às suas necessidades e objetivos da melhor maneira possível.

 

Qual a importância do investimento em bolsa de valores?

 

Aqueles que estão interessados ​​em aumentar a quantidade de dinheiro que ganham com seus investimentos podem considerar a bolsa de valores, que é um dos mercados financeiros mais ativos e conhecidos. No entanto, antes de fazer um investimento em ações, é essencial consultar um corretor da bolsa para obter orientações sobre os perigos associados a isso. Um corretor pode dar recomendações sobre qual empresa é melhor investir, bem como ajudar a decidir o momento ideal para comprar e vender ações. As corretoras também podem ajudar a determinar o momento ideal para comprar e vender opções. Um corretor também pode monitorar o mercado e manter os investidores informados sobre quaisquer desenvolvimentos que possam ter impacto nos investimentos que fizeram.

 

Qual o papel dos corretores financeiros?

 

Os corretores financeiros são especialistas treinados que aconselham seus clientes sobre como aproveitar ao máximo seu dinheiro por meio de várias estratégias de investimento. Eles fazem pesquisas sobre o estado atual do mercado financeiro e fornecem orientações sobre a melhor forma de investir seu dinheiro. Além disso, os corretores financeiros podem realizar as ordens de compra e venda de seus clientes em nome de seus clientes.

 

Como se tornar um corretor?

 

Existem algumas coisas que você precisa estar ciente se estiver pensando em entrar no negócio de corretor financeiro. Para começar, um corretor financeiro deve primeiro obter uma licença para praticar. Os indivíduos são obrigados a obter uma pontuação de aprovação em um teste que é dado pela Autoridade Reguladora do Setor Financeiro antes de receber uma licença (FINRA).

 

Para manter suas licenças atualizadas, os corretores financeiros licenciados são obrigados a participar de programas de educação continuada que satisfaçam os padrões de educação continuada. As especificidades do material coberto nessas classes variam de acordo com o estado em que o corretor possui licença, mas, em geral, a ênfase é colocada nas mudanças recentes nas leis e regulamentos de valores mobiliários.

 

Além de ter que cumprir os requisitos educacionais, os corretores financeiros também são obrigados a obter um seguro de indenização para proteger a si e seus clientes contra a possibilidade de perda financeira. De um modo geral, a negligência, erros ou omissões do corretor são cobertos por esta apólice de seguro, assim como quaisquer perdas que ocorram a partir de um conselho incorreto do corretor.

 

Na maioria das vezes, os corretores financeiros são empregados por corretoras; no entanto, também podem ser contratados por bancos, seguradoras e outros tipos de organizações financeiras. Eles colaboram com seus clientes para avaliar os requisitos e objetivos dos clientes e, com base nessas informações, elaboram planos de investimento. As comissões sobre os diversos produtos que eles oferecem, como ações, títulos e fundos mútuos, são a principal forma de remuneração dos corretores financeiros na grande maioria das situações.

 

Faça algum estudo na área de finanças se ser um corretor financeiro é algo que lhe interessa.

 

Quais os tipos de bolsas que existem?

 

Existem muitos tipos diferentes de corretores financeiros, mas todos eles têm uma coisa em comum: eles trabalham para garantir que seus clientes sejam bem-sucedidos nos mercados financeiros. Outros se concentram em fundos mútuos ou seguros, enquanto outros ainda são especialistas nos mercados de ações e títulos. Há mesmo aqueles cujas carreiras se limitam a trabalhar com fundos de hedge. Todos os corretores financeiros têm acesso às mesmas informações e recursos, independentemente da área de especialização em que se especializam. Por isso, podem oferecer aos seus clientes a assessoria mais adequada às circunstâncias de cada caso individual.

 

Tipos de investimentos

 

Renda fixa, renda variável e investimentos derivativos são as três principais classificações de ativos financeiros que podem ser mantidos como ativos financeiros. As oscilações do mercado são o que pode ser usado para obter uma imagem precisa de quão lucrativo cada um desses investimentos será financeiramente. Em seguida, passaremos a entender mais profundamente cada uma dessas formas distintas de investimentos.

 

Renda fixa: como sugere o termo “renda fixa”, o nível de rentabilidade que se pode esperar desse tipo de investimento é pré-determinado. Isso implica que o investidor sempre terá um retorno pré-definido, mesmo que ocorram oscilações de mercado. CDBs (Certificados de Depósito Bancário), LCIs (Cartas de Crédito Imobiliário) e LCAs (Cartas de Valorização de Certificados) são os tipos mais frequentes de instrumentos de renda fixa (Cartas de Crédito para o Agronegócio). Renda variável: um retorno.

 

Você Pode Gostar

Sobre o Autor: Avitrini